A+ A- Tamanho Original
logo webmail Facebook Whatsapp YouTube

CRP-02 parabeniza pelo Dia da-o Atleta Paralímpico

21.09.2018

No dia 22 de setembro é comemorado o dia Nacional do Atleta Paralímpico. A data foi instituída a partir do decreto de lei nº 12.622, de 8 de maio de 2012, e visa parabenizar a todas/os as/os atletas que fazem da prática esportiva sua vida, que tem o desporto como forma de reabilitação para uns, além de inserção na sociedade para outros. Esses são alguns dos inúmeros motivos particulares, através dos quais se dedicam constantemente para superar todos os seus limites físicos e psicológicos. A data também serve para ampliarmos nossas reflexões, objetivando uma sociedade mais inclusiva, onde os direitos das pessoas com deficiência sejam cumpridos e exista mais facilidade de acesso ao esporte, de forma igualitária a todas e todos independentes de idade, sexo e/ou deficiência.

Assim, podemos refletir, ainda, como está sendo nosso papel na sociedade como profissionais da Psicologia. Será que estamos de fato qualificados para atender as demandas que chegam até nós? Será que estamos conseguindo ajudar a cada um/a a se perceber e encontrar seus potenciais? Estamos de fato auxiliando a tentarem descobrir possibilidades diante de limitações físicas e sociais?

É valido perceber a si mesmo, com a finalidade de reconhecermos nossas limitações e entender que não são apenas as pessoas com deficiência que necessitam se adaptar ao “nosso mundo”, nós também precisamos nos adaptar ao “mundo das pessoas com deficiência” e nesta junção, transformar uma cultura social excludente para uma sociedade de fato inclusiva.

O início dos jogos Paralímpicos se deu após a Segunda Guerra Mundial (1939 – 1945) com neurocirurgião alemão Ludwing Guttmann, onde ele iniciou na Inglaterra o trabalho com soldados lesionados e multilados da guerra utilizando da prática esportiva como forma de reabilitação e reinserção à sociedade. Em 1948 o doutor Guttmann realizou a primeira competição para atletas de cadeiras de rodas, isto ocorreu na mesma época em que acontecia os jogos Olímpicos de Londres. A primeira competição aconteceu com 16 atletas paraplégicos (14 homens e 2 mulheres) na competição de arco e flexa. Esta competição foi nomeada como “Jogos de Stoke Mandeville”, e em 1952 ex-soldados Holandeses se uniram aos ingleses, dando inicio ao que mais tarde seria a competição paralímpica. Em 1960, o comitê organizador dos jogos realizou sua competição em Roma, logo após as Olimpíadas, utilizando o mesmo formato e espaços dos jogos Olímpicos, e teve a participação de 400 atletas de 23 países. Até 1976 todas as competições eram exclusivas para atletas com lesão medular, e a partir dos jogos de Toronto, ocorreu a inclusão dos atletas cegos e amputados, e a partir de 1980 a inclusão das/os atletas com paralisia cerebral.

Nos dias atuais existem 22 modalidades, com participação brasileira em todas elas. Nos jogos Paralímpicos de 2016, realizado na cidade do Rio de Janeiro, o Brasil obteve 72 medalhas (14 ouro, 29 prata e 29 bronze), 25 medalhas a mais que na Paralímpiada de 2008, terminando nesta competição em 8° lugar. O destaque brasileiro das Paralimpiadas do Rio foi Daniel Dias, multimedalhista, somando 9 medalhas nos jogos (4 ouros, 3 pratas e 2 bronze) se tornando o maior nadador paralímpico do mundo.

A Comissão de Psicologia e Pessoa com Deficiência juntamente com o Grupo de Trabalho de Psicologia do Esporte, do Conselho Regional de Psicologia – 2° Região, parabeniza a todas e todos Atletas Paralímpicos, por suas conquistas, não apenas na prática desportiva mas também em suas conquistas diárias. E convidamos as/os profissionais de nossa categoria, para uma reflexão individual sobre a temática e incentivo de investimentos em estudos e trabalhos para com a mesma.

Clique no mapa para ampliar mapa

SEDE

Rua Treze de Maio, 47, Santo Amaro - Recife - PE
CEP: 50.100-160
Horário de atendimento: Segunda a Quinta-feira das 08h as 18h
Sexta-feira das 08h as 12h
Fone: (81) 2119-7272
E-mail: crppe@crppe.org.br

SUBSEDES

Caruaru
Avenida Agamenon Magalhães, 1053 / 2 andar, sala 205,
Empresarial Boulevard, Caruaru-PE / CEP: 55014-000
Fone: (81) 3721-6774 / (81) 98379-8586
E-mail: crppe.valedoipojuca@crppe.org.br

Garanhuns
Rua Djalma Dutra, 276-A sala 18
Heliópolis, Edificio Salute, Garanhuns-PE / CEP: 55296-288
Fone: (87) 3761-3299 / (81) 98379-8584
E-mail: crppe.agrestemeridional@crppe.org.br

Petrolina
Avenida Guararapes, 1934 / Sala 02 - Galeria Madre Pérola
Petrolina-PE / CEP: 56302-000
Fone: (87) 3864-6728 / (81) 98379-8587
E-mail: crppe.sertaosaofrancisco@crppe.org.br

Todos os direitos reservados © Copyright 2015 - Conselho Regional de Psicologia Segunda Região - CNPJ: 37.115.516/0001-91

Desenvolvimento